Arquivo | Alimentação RSS feed for this section

Salada no pote

18 nov

Gente uma amiga das Pochetinhas saiu no jornal acrítica numa reportagem muita bacana pra quem faz marmita para o trabalho, o nome dela é Alda Clícia, vcs já vira fotos dela aqui no blog. Vejam a reportagem completa:

20131110_140456
Por Loyana Camelo
Quem passa o dia inteiro fora de casa sabe como é sofrido acondicionar uma comida saudável para levar para o trabalho, escola e faculdade. A fragilidade dos vegetais folhosos aliada aos legumes altamente perecíveis impede muitas opções, a não se o bom e velho tupperware – que não é lá muito prático (ou glamouroso) de carregar de um lado para o outro. A tendência no exterior, chegando agora no Brasil, resolve esses dois problemas com uma cajadada só: a salada no pote preserva o frescor da receita e coloca-a sob uma perspectiva diferente, e por que não, charmosa?
O passo a passo é mais simples do que se imagina. Em camadas, iniciando de baixo para cima, coloca-se primeiramente o molho, em seguida ingredientes “pesados” (fisicamente falando) para suportar o molho, como rabanetes, cenouras, cebolas, feijões; depois pode-se repetir esta camada com outros itens pesados a exemplo de tomates; e finaliza-se com ingredientes leves como folhas verdes, frutas ou grãos. O número de ingredientes e o tamanho do pode é subjetivo, variando de acordo com a fome de cada um.
Adepta da culinária saudável, a administradora Alda Clícia da Silva, 39, tem o costume de sempre levar saladas para o trabalho e adora testar receitas diferentes. Ela ainda não conhecia a tendência do pote, e assim que testou, aprovou a idéia.
“Acho uma opção prática, principalmente porque dá pra levar para o escritório, é muito discreto e conserva super bem os alimentos. E dá pra brincar com os ingredientes, pôr o que você quiser”, comenta Clícia. Ela conta que decidiu enveredar para reeducação alimentar há 2 anos, tendo pesado mais de 100kg na adolescência.
“Coloco super pouco carboidrato na minha alimentação. Como mais saladas e proteínas, na hora do almoço, sempre estou com a minha saladinha”.

Longa vida útil
Para a nutricionista Luciana Santana, os amazonenses têm dificuldades em geral de consumir saladas, seja pelo preço elevados das verduras, frutas e legumes comercializados aqui, seja pela preguiça pura e simples. “Tudo que for facilitar esse consumo, é super válido”, disse. A respeito da moda do pote, Luciana disse que os recipientes de vidro ajudam a aumentar a vida útil das folhas por impossibilitar a entrada de oxigênio – que estraga os alimentos mais rápido.
Agora um alerta para quem deseja condicionar as saladas no pote durante a semana inteirinha: o molho só pode ser colocado na hora de comer.
“Colocar molhos no fundo do pote não é legal, porque diminui a vida útil do vegetal. Pode até azedar mais rápido. Agora se for azeita extra virgem, ok, porque ele ajuda a conservar”. Dica anotada.

Fonte: Jornal ACritica

Vamos fazer nossos potinhos e levar para o trabalho galera!!!

bjs

Carol

Abre a booooca é Royal!

29 out

gelatina-r_1365163544143

Oi gente, hoje vim falar com vocês sobre os benefícios da Gelatina.

Quem pediu este post foi o Elvis, um amigo das Pochetinhas. Se você tem interesse em ver algum post aqui nas Pochetinhas, manda para o nosso e-mail que a gente faz a pesquisa pra você e publica aqui.
Então…andei fazendo umas pesquisa sobre a tal da gelatina e nossa me surpreendi com os benefícios dela. Vamos lá:

Os benefícios da gelatina para a saúde envolvem o emagrecimento, o fortalecimento das unhas e cabelos, dando-lhes maior resistência, espessura, crescimento e brilho. A gelatina é também uma excelente fonte de hidratação para a pele e intestinos e, de quebra, faz um bem danado para a elasticidade da pele. Ui só por isso já me apaixonei!

Por ser principal fonte de colágeno, substância que tem como função impedir a deformação dos tecidos que fazem parte da estrutura de ossos, pele, cartilagens e tendões, a gelatina tem um papel importante na prevenção e no tratamento de doenças, como artrose e osteoporose. De olho na velhice!!

 

Saúde-Bem-Estar

O poder está comprovado e todos podem desfrutá-lo, pois a gelatina é liberada para adultos, crianças e idosos. Para turbinar os resultados no nosso corpo, a dose indicada é de dez gramas por dia, o equivalente a uma colher de sopa. Mas, atenção: a melhor opção para consumo não é aquela de caixinha, que compramos no supermercado. A recomendada é a proteína hidrolisada, bem concentrada e com efeitos muito mais visíveis. O ideal é colocar uma colher de sobremesa da gelatina em pó em sucos, doces, iogurtes, vitaminas, musses, saladas de frutas ou até na própria gelatina industrializada. Porém se você não tem essa, pode sim continuar usando a de caixinha, é melhor do que nada.

Vamos agora responder algumas perguntinhas:

Consumir gelatina previne celulite e tonifica a pele?
A gelatina irá agir indiretamente na celulite, promovendo a melhoria da elasticidade cutânea e ajudando a diminuir o acúmulo de líquidos entre as células. Mas sozinha não faz milagre, principalmente porque o problema, infelizmente, não tem cura.

A gelatina deixa as unhas mais fortes e os cabelos mais brilhantes?
Sim, ela contribui para isso. Para um crescimento saudável, unhas e cabelos precisam de diversos nutrientes. Entre eles, o colágeno, existente na gelatina. O colágeno é responsável pela cicatrização e regeneração dos tecidos. No caso das unhas e cabelos, o colágeno forma uma matriz onde minerais se fixam para deixá-los fortes, resistentes e brilhantes.

A gelatina possui gordura?
Não. A gelatina é isenta de gordura, colesterol e carboidratos. É constituída de 87% de proteína, 1% de sais minerais e 12% de água.

Gelatina dá saciedade de verdade?
Sim. O alto teor de aminoácidos age sobre o centro do apetite estimulando a satisfação. Além disso, no estômago, ela se junta a uma grande quantidade de água ingerida, contribuindo para que não haja exagero nas refeições.

O alimento funciona para mulheres na menopausa?
Sim. Nesse período acontece a maior perda de colágeno (2% por ano, após 45 anos de idade), devido à deficiência de estrógeno, que diminuirá os fibroblastos (células que produzem o colágeno).

Gelatina faz bem para os ossos e articulações?
Ossos, cartilagens e articulações são formados por colágeno acrescido de minerais. O colágeno reforça os tendões e ligamentos que unem os músculos aos ossos. A gelatina hidrolisada ajuda na nutrição destes tecidos, mantendo a hidratação e integridade das articulações, desempenhando assim um papel importante na prevenção e no tratamento de dores articulares, artrose e osteoporose.

Ok ok vou me render a este produtinho dos deuses 😉

Rugas

Fonte: http://corpoacorpo.uol.com.br

Calorias

15 out

1lb_fat

 

Oi pessoal, você sabe o que é realmente caloria? Sabemos que temos que ingerir pouca caloria e fazer bastante exercício para emagrecer, mas o que é caloria?

Caloria é a energia química produzida e armazenada em nosso corpo quando ingerimos e metabolizamos um alimento. Essa é a energia necessária para nossas atividades diárias tais como digestão, respiração, prática de exercícios, funcionamento do cérebro, batimento cardíaco, crescimento do cabelo e das unhas, etc.

Todo alimento tem calorias?

Sim, porque todos fornecem energia. Somente nutrientes como vitaminas, minerais e fibras e a água não contêm calorias. Se dividirmos os alimentos em grupos, veremos que cada grama de proteína e de carboidrato possui 4 calorias. A mesma quantidade de álcool tem 7 calorias e um grama de gordura tem 9 calorias.

 Alimentos diet e light têm menos calorias? 

Nem sempre. Produtos diet não têm açúcar porque são elaborados para diabéticos. Em geral, quando se substitui açúcar por adoçante o item fica menos calórico, mas isso não é uma regra. O chocolate diet, por exemplo, costuma ser tão ou mais calórico do que a versão convencional porque tem mais gordura para compensar a diferença de sabor ocasionada pela falta de açúcar. Já os alimentos light precisam ter seu valor calórico reduzido em 25% em relação ao produto comum.

O que são as chamadas calorias ocultas?

Entende-se por este termo as que estão embutidas no preparo de um prato sem que se saiba. Por exemplo, uma porção de legumes pode ficar altamente calórica se eles forem refogados na manteiga. Efeito semelhante passa o arroz, se cozido na banha em vez de óleo vegetal. Por isso, é fundamental ter conhecimento sobre como a refeição é preparada.

 E o que são calorias vazias? 

Aquelas fornecidas por alimentos que são apenas calóricos e não oferecem nenhum nutriente. É o caso dos refrigerantes, por exemplo, que não têm sais minerais nem vitaminas.

 

Há cerca de 3.500 calorias em meio quilo de gordura.

O que é que isso significa? Para cada 3.500 calorias extras que você consome e seu corpo não queimar, você ganha meio quilo de gordura.

Ao mesmo tempo, significa também que para cada 3.500 calorias extras que o seu corpo queime, você vai perder meio quilo de gordura.

Se queremos perder meio quilo por semana, temos que queimar 500Kcal por dia, a mais do que comemos, e para isso é necessário a atividade física.

 

Então vamos suar a camisa galera!!!

 

bjs

Dieta Dukan

10 out

Oi gente, como prometi no post passado, vamos falar sobre a dieta Dukan que nossa amiga Laís fez e ficou ainda mais linda.

Existe um livro chamado Eu Não Consigo Emagrecer, do especialista em nutrição e reeducação alimentar Pierre Dukan, criador desse programa de emagrecimento, que explica tintim por tintim a dieta. A proposta é fazer uma dieta de quatro fases: Ataque, Cruzeiro, Consolidação e Estabilização.

Vamos à explicação de cada uma destas fases:

1ª Fase: Ataque 

Primeiro, você faz uma avaliação sigilosa no site da Dieta Dukan (www.dietadukan.com.br). Informa o peso atual, peso máximo a que chegou, peso mínimo, peso mantido a maior parte da vida, peso que quer alcançar, altura, data de nascimento, quantas vezes engravidou, quantas dietas tentou e a ossatura (um pequeno teste com os dedos pra descobrir se é fina, média ou larga). O programa fez os cálculos e indica a quantidade de peso que a pessoa deve perder e o tempo que deve permanecer em cada fase.

Nesta etapa, só é permitido o consumo de proteínas magras. A idéia é comer bastante os alimentos permitidos e fingir que os outros não existem. Além das proteínas, o único item que a dieta permite (e exige) nesta fase é uma colher e meia de farelo de aveia todos os dias e água, muita água!

Consumo à vontade: Carne magra de boi, fígado, peixe, frango, presunto e peito de peru sem gordura, ovos, laticínios desnatados, temperos em geral, chiclete zero açúcar (ver mais alimentos no livro Eu Não Consigo Emagrecer).

Consumo obrigatório: 2 litros de água e uma colher e meia de farelo de aveia por dia.

Exercício: 20 minutos de caminhada por dia, obrigatoriamente.

 2ª fase: Cruzeiro

Nesta etapa, são permitidos todos os alimentos da fase anterior, além de certos legumes e verduras em dias alternados. São 100 alimentos que podem ser consumidos à vontade nos dias de proteínas com legumes, e a regra é a mesma da fase anterior: tudo que está fora da lista é terminantemente proibido.

Consumo à vontade: Todos os alimentos da fase de Ataque. Nos dias de proteínas com legumes, também é permitido comer à vontade: tomate, pepino, rabanete, espinafre, aspargos, alho-poró, vagem, couve, cogumelo, aipo, funcho, alface, acelga, berinjela e abobrinha.

Consumo obrigatório: 2 litros de água e duas colheres de farelo de aveia por dia.

Exercício: 30 minutos de caminhada por dia, obrigatoriamente.

 3ª fase: Consolidação

As pessoas que param a dieta ao atingir o peso ideal têm o mesmo destino: o efeito sanfona. Por isso, é importante fazer a terceira fase, de consolidação do peso. Dura dez vezes o número de quilos perdidos.

Na fase de consolidação, a dieta Dukan permite todos os alimentos das fases anteriores à vontade, além de pão integral, frutas e alguns queijos diariamente. Há algumas regras especiais: uma é a quinta-feira protéica, dia sagrado no qual só são permitidos os alimentos da fase 1 da dieta.

As outras regras são a “cereja do bolo”: porções controladas de alimentos ricos em amido e refeições liberadas, nas quais posso comer o que quiser sem restrições!

Na primeira metade da fase de consolidação, a dieta libera uma porção de amido e uma refeição lixo por semana. Na segunda metade, é permitido comer duas porções de amido e fazer até duas refeições lixo na semana!

Consumo à vontade: Todos os alimentos das fases anteriores.

Consumo controlado: Duas fatias de pão integral por dia, uma porção de fruta por dia (menos uva, banana e cereja), 40 g de queijo de massa cozida (parmesão, emental) por dia, uma porção de amido por semana na primeira metade dessa fase e duas porções de amido por semana na segunda metade (massas, polenta, grão de trigo integral, leguminosas, arroz e batata).

Refeições “lixo”: Uma por semana na primeira metade da fase e duas por semana na segunda metade.

Consumo obrigatório: 2 litros de água e duas colheres de farelo de aveia por dia.

Exercício: 30 minutos de caminhada por dia, obrigatoriamente.

 4ª fase: Estabilização

Fase, que deve ser seguida pelo resto da vida. É uma etapa de manutenção definitiva do peso. Nessa última fase, você deve:

· Continuar seguindo a lista de alimentos e freqüência da fase de consolidação.

· Comer apenas os alimentos da fase de “Ataque” às quintas-feiras.

· Não pegar elevadores e escadas rolantes e caminhar ao menos 30 minutos por dia.

· Consumir diariamente, três colheres (sopa) de farelo de aveia.

Como a dieta funciona 

Segundo a nutricionista clínica Carolina Di Guimarães (http://saboridades.net/), a dieta Dukan age por um processo chamado cetose, que é baseado no consumo mínimo de carboidratos na alimentação. Na ausência desse nutriente, o organismo quebra gorduras acumuladas e fornece energia para o corpo.

A grande vantagem do método é o rápido emagrecimento nas primeiras semanas. Segundo a especialista, “por ser dividido em fases, o método Dukan deixa o processo mais fácil e com um cardápio mais equilibrado, com carnes magras, muitos vegetais e o farelo de aveia”.

A nutricionista alerta, no entanto, que a longo prazo uma dieta restritiva pode trazer riscos à saúde. Por isso, é fundamental consultar o médico se for segui-la por um longo período. Diabéticos, gestantes, pessoas em tratamento psiquiátrico, com disfunções de ácido úrico

ou problemas no fígado estão proibidas de seguir a Dieta Dukan.

 “Dieta não é castigo, é recompensa”

Em entrevista por e-mail à Sou mais Eu!, Pierre Dukan, médico francês criador do método que ajudou celebridades como Kate Midletton e Jennifer Lopez a perder peso, explicou o sucesso do seu método de emagrecimento: “O objetivo é que o prazer de emagrecer seja suficiente o bastante para compensar a ausência de alimentos ricos em açúcares, que estão relacionados ao prazer e à gratificação. Para ser bem-sucedida, a dieta não pode ser vista como um castigo, mas como uma recompensa”. Segundo ele, seu método é hoje o único que propõe duas fases exclusivamente para proteger o novo peso obtido. “Esse é um dos principais diferenciais da dieta Dukan”, diz.

Fonte: http://mdemulher.abril.com.br

Minha humilde opinião: Não consigo fazer uma dieta dessa, passo mal, tenho problema de hipoglicemia quando não como direito.
Se funciona? Acho que funciona, temos o exemplo na nossa amiga do post anterior. Quem ai já fez??? Conte a sua experiência com a dieta pra gente.
Eu pessoalmente acho que a reeducação alimentar é melhor, pois é o que vai te acompanhar pra toda tua vida. Não sou muito fã da palavra Dieta, pois parece que não posso comer nada.

bjs

Adocica, meu amor, adocica…adocica meus líquidos

14 ago

Como adoçar a nossa vida alimentar sem engordar?

O mercado oferece uma dezena de adoçantes, mel, xarope etc e tal…mas qual a diferença entre eles, como escolher o melhor substituto para o vilão Açúcar?

Abaixo segue um resumo de cada um para ajudar na escolha:

Aspartame

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 20
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 24 mg
· Calorias por grama – 4 kcal
· Ingestão máxima diária – 40 mg/kg de peso corporal
· Efeitos colaterais – Pode causar danos ao cérebro.

Sacarina

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 200
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 16 mg
· Calorias por grama – 0 kcal
· Ingestão máxima diária – 5 mg/kg de peso corporal
· Efeitos colaterais – Pode aumentar o risco de câncer de bexiga e contém sódio.

Ciclamato

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 40
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 121,5 mg
· Calorias por grama – 0 kcal
· Ingestão máxima diária – 11 mg/kg de peso corporal
· Efeitos colaterais – Potencializa agentes cancerígenos e contém sódio.

Stévia

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 300
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 16 mg
· Calorias por grama – 0 kcal
· Ingestão máxima diária – 40 mg/kg de peso corporal
· Efeitos colaterais – É uma natural (derivada de uma planta) e não tem efeitos colaterais.

Sucralose (eu uso, não tem gosto de adoçante)

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 600 a 800
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 6 mg
· Calorias por grama – 0 kcal
· Ingestão máxima diária – 5,5 mg/kg de peso corporal
· Efeitos colaterais – Está ligada à eliminação da flora bacteriana boa do intestino

Xilitol

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – Não determinado
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – Não determinado
· Calorias por grama – 4 kcal
· Ingestão máxima diária – Não estabelecida
· Efeitos colaterais – O exagero pode causar diarreia.

Xarope de Agave

· Quantas vezes adoça mais do que o açúcar – 3
· Quanto equivale em colheres de sopa de açúcar (5 mg cada) – 10 mg
· Calorias por grama – 3,34 kcal
· Ingestão máxima diária – Não estabelecida
· Efeitos colaterais – De origem vegetal, pode gerar substância maléficas aos órgãos.

Espero ter ajudado na escolha…bjs

Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/

Pochetinhas aprovaram a Donna Salada

9 ago

Gente, o blog foi criado para mostrar coisas bacanas para a gente fazer e comer para nos ajudar no nosso emagrecimento.

Por isso, venho aqui para dizer que eu (pochetinha Carol) super aprovo as saladas da Donna Salada. Hoje comi pela primeira vez de muitas 😀 a salada da Donna Salada.

Delivery de Salada para uma alimentação saudável do jeitinho que a gente gosta. É simples, escolha os ingredientes (DEZ opções) que você mais gosta, tempere com o molho de sua preferência e dê seu toque especial (DUAS opções) e depois é só esperar que a salada vem até você.

Para conhecer melhor,  acessem: https://www.facebook.com/saudedonnasalada

Pochetinha aprova e indica. 😀

Ahhh….Pessoal lembrando que esse final de semana tempos a 3ª etapa da corrida 4 elementos – Terra…vamos completar nossa mandala 😀

Tá, tá, tapioca

17 jun

Oi gente…hoje vim falar sobre a tapioca que tanto amo comer.

Adoro comer tapioca no café da manhã ou no lanche da tarde, pois isso fui pesquisar se ela é prejudicial na reeducação alimentar e para minha surpresa e meu alívio (kkk) ela não é.

A tapioca é um alimento típico do nordeste brasileiro, pode ser consumida no café da manhã, como substituta do pão, como lanche salgado e até sobremesa.

A tapioca é rica em carboidratos e é uma fonte considerável de energia em termos energéticos, já que pode ser substituta do pão branco. O pão branco – em 100g, entretanto, fornece mais proteínas (8,0g contra apenas 0,4g da fécula de mandioca), ao passo que a fécula possui mais carboidratos. Ou seja, ela não é nutritiva em termos de proteínas e vitaminas, mas é bastante energética. Uma porção de 50 gramas da massa tem 70 calorias e apenas 1,6 gramas de proteínas.

Uma ótima ideia é acrescentar uma colher de sopa de aveia (farinha ou flocos), linhaça ou gergelim. Para o recheio, sugiro proteínas magras como presunto de peru com queijo branco ou ricota fresca temperada com azeite e ervas.

bjs,

Carol